Pular para o conteúdo principal

O poeta por si (Mario Quintana)


"Nasci em Alegrete, em 30 de julho de 1906. Creio que foi a principal coisa que me aconteceu. E agora pedem-me que fale sobre mim mesmo. Bem! Eu sempre achei que toda confissão não transfigurada pela arte é indecente. Minha vida está nos meus poemas, meus poemas são eu mesmo, nunca escrevi uma vírgula que não fosse uma confissão. Ah! mas o que querem são detalhes, cruezas, fofocas… Aí vai! Estou com 78 anos, mas sem idade. Idades só há duas: ou se está vivo ou morto. Neste último caso é idade demais, pois foi-nos prometida a Eternidade.

Nasci no rigor do inverno, temperatura: 1 grau; e ainda por cima prematuramente, o que me deixava meio complexado, pois achava que não estava pronto. Até que um dia descobri que alguém tão completo como Winston Churchill nascera prematuro - o mesmo tendo acontecido a sir Isaac Newton! Excusez du peu… Prefiro citar a opinião dos outros sobre mim. Dizem que sou modesto. Pelo contrário, sou tão orgulhoso que acho que nunca escrevi algo à minha altura. Porque poesia é insatisfação, um anseio de auto-superação. Um poeta satisfeito não satisfaz. Dizem que sou tímido. Nada disso! sou é caladão, introspectivo. Não sei por que sujeitam os introvertidos a tratamentos. Só por não poderem ser chatos como os outros?
Exatamente por execrar a chatice, a longuidão, é que eu adoro a síntese. Outro elemento da poesia é a busca da forma (não da fôrma), a dosagem das palavras. Talvez concorra para esse meu cuidado o fato de ter sido prático de farmácia durante cinco anos. Note-se que é o mesmo caso de Carlos Drummond de Andrade, de Alberto de Oliveira, de Érico Verissimo - que bem sabem (ou souberam) o que é a luta amorosa com as palavras."

Mario Quintana


Comentários

  1. É uma boa introspeção sobre si mesmo que ele aqui faz, e tem uma coisa que me chamou logo a atenção e com a qual concordo totalmente, Idades só tem duas a que se está vivo ou morto, boa noite para ti, com muita alegria, bjs

    ResponderExcluir
  2. Boa noite anônimo. Coloquei proposital algo sobre ele, já que disse não conhecer Mario Quintana, é só 1 migalha diante de tantos poemas e textos feitos por ele. E tb concordo com ele em relação a idade...Tenho algo parecido em meu perfil:
    "Se depois de eu morrer, quiserem escrever a minha biografia, não há nada mais simples! Tem só duas datas a da minha nascença e a da minha morte. Entre uma e outra coisa todos os dias são meus." (Alberto Caeiro)
    Com a diferença que Caeiro fala sobre bibliografia. Bom final de sábado e excelente domingo, beijão.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só quero ser sua amiga

O texto abaixo fui elaborado embaixo do chuveiro, como eu não tinha papel à prova de água e nem caneta, vou tentar passar todo ele, pode ser que escape alguma coisa, mas vale mesmo assim.

(Só quero ser sua amiga)
Eu não me aproximei de você, para saber se é feio (a), bonito (a), gordo (a), magro (a). Eu me aproximei de você porque quero ser sua amiga.
Eu não me aproximei de você para saber de sua vida íntima, profissional, social. Eu me aproximei de você porque quero ser sua amiga.  Eu não me aproximei de você para saber se é casado (a), separado (a), enrolado (a), ficante, tico-tico-no-fubá, para saber se posso ter um caso com você, porque não quero isso e nem tão pouco fuçar na sua vida, eu quero mesmo ser sua amiga.
Eu não me aproximei de você para querer saber seus dotes e o que você pode proporcionar de bens materiais. Eu me aproximei porque quero ser sua amiga.  Eu não me aproximei de você para querer saber seus erros, mas com certeza quero saber seus acertos e vibrar muito com eles, …

Templo dos Guerreiros

As ruínas do Templo dos Guerreiros tem enormes cabeças de serpentes esculpidas em pedra. Esse palácio possuía mil colunas de sustentação que davam à volta em todo o prédio. Por volta do ano 1200, Chichen Itzá entrou em guerra com outras duas cidades da civilização maia-tolteca: Uxmal e Mayapan.
Os habitantes de Chichén Itzá fugiram para o sul, e a cidade quase foi destruída. Quando os navegadores espanhois desembarcaram no México, no século 15, encontraram a cidade abandonada. O mato e a selva cobriam os templos sagrados. No começo do século 19, as ruínas da cidade foram recuperadas e os símbolos da civilização maia começaram a ser decifrados. Chac Mool é uma estátua em granito, localizada na plataforma Vênus do templo dos guerreiros de Chichén Itzá. (a estátua em primeiro plano).
Em cima da estátua, ao centro, os Maias realizavam os sacrifícios para os seus Deuses.
Em geral, esses sacrifícios eram feitos com crianças, raras vezes com mulheres.

Psoríase

Psoríase: o que é?
A psoríase é uma condição inflamatória crônica cutânea que afeta aproximadamente 1-3% da população mundial. Surge como placas vermelhas cobertas por escamas prateadas que se soltam da pele. As placas psoriásicas surgem muitas vezes nos cotovelos, couro cabeludo e joelhos, mas podem igualmente afetar outras partes do corpo como a face, os pés e as membranas mucosas. A psoríase não é contagiosa, nem é causada por uma alergia. No entanto, a tendência para desenvolver a condição pode ser geneticamente transmitida. A psoríase causa comichão em 60% a 70% dos casos.
A Psoríase: quando apareceu?
A psoríase existe há séculos. Prova disso mesmo são os sinais típicos da condição encontrados em corpos mumificados do início da Era Cristã. Sabe-se que foi confundida pela lepra durante centenas de anos, o que originou o isolamento de muitas pessoas na Idade Média.
No início do século XIX,Robert Willan, um médico inglês, foi o primeiro a descrever clinicamente a psoríase.
Os investigadores …