Pular para o conteúdo principal

Curativos

Hoje, acordei sentindo uma grande dor no peito.
Sentei-me ao pé da cama, coloquei minha mão sobre meu peito, e perguntei ao meu coração:

O que você tem?
Porque está tão inquieto dentro de mim?
Você está doente?
Fiquei uns minutos em silêncio e aí foi minha alma a começar a ficar inquieta...

Perguntei a ela...
O que tens?
Porque se atormenta dentro de mim?
Minha alma disse: -- Estou assim porque você está assim;
Você me faz perguntas, mas não tenho as respostas e sei que isso a faz infeliz...

Você se sente tão pequena, e isso me faz pequena também...
Você queria ser diferente e eu fico triste por você...
Você está tão só, e eu me sinto sem você...
Mais uma vez tornei a ficar em silêncio...
E foi aí que meu coração meio confuso me respondeu...
Estou tão triste...
Sinto-me tão pequeno...
Estou magoado com você!

Fiquei sem jeito e perguntei...
O que foi que eu te fiz?
Ele respondeu...
Você sofre tanto com as pessoas, preocupa-se com elas, é atenciosa, procura ser prestativa e sempre se decepciona...
Você ama e depois sofre e fala que a culpa é minha...
Você espera por algo que não vem e fica triste...

Aí você chora e dói em mim...
Preciso de curativos para um coração partido...
Curativos bons.

Perguntei ao meu coração:
Como assim bons?
Ele respondeu...
Curativos que estanquem essa sua tristeza, essa sua mágoa, essa sua solidão...

Que estejam com você nos dias frios e nas noites vazias, nos dias de tempestade e nas horas que você se sentir tão só...
Que eles sejam tão grandes que possam envolver seu corpo em um abraço cheio de ternura e que você se sinta segura e amparada...

Curativos que lhe façam sentir o quanto você é especial e amada, mesmo que você nunca tenha sentido esse amor, nem de seus próprios pais...
Preciso de bons curativos, que não sejam eternos, afinal nada é para sempre, mas, que não sejam descartáveis...

Curativos que absorvam esse sofrimento, essa dor...
Essa ferida que não se vê, apenas se sente...
Que sejam fortes, e a prova d’água, para que não se estraguem com suas lágrimas!

Que sejam macios para poder lhe fazer carinho nos dias em que você se sentir carente...

Curativos que acima de tudo nunca a decepcionem, prometendo coisas que não cumprem...
Curativos companheiros e sinceros, que se importem realmente com você...

Não quero pena, quero amor...
Amor de verdade.

Preciso que você também se ame e prometa que vai procurar cuidar mais de mim, sou parte de você e se você sofre eu também sofro...
Queria poder colocar você dentro de mim, secar suas lágrimas, ninar você...

Dizer-lhe que tudo vai passar, e lhe proteger das decepções da sua vida,
afinal você já sofreu tanto que não sei como ainda consigo bater forte em seu peito...
Você é especial...
Pena...
Ninguém perceber isso!

Preciso de Curativos para um coração partido...

Desconheço a autoria desse texto, se alguém souber, por favor me diga, para que eu dê os devidos créditos, obrigada.

Comentários

  1. Também não conheço mas gostaria de saber, poiis é muito engenhoso, sabes quem tem penas são as galinhas e ninguem fica com ninguem por pena ou caridade, se não se gosta acaba por se ir embora, mas os curativos são sempre bem vindos, quanto mais não seja, para estancar esse sofrimento que é ter um coração apaixonado, não tem logica, nem sequer explicação, mas ás vezes doi mesmo amando muito, bjs

    ResponderExcluir
  2. Boa noite anônimo, gosto do texto, não sei quem fez, mas quem sabe aparece o dono ou quem saiba. Complicado, obrigada por vir.

    ResponderExcluir
  3. Sabes o que é complicado? nós complicarmos o que já de si é complicado, isso sim é realmente complicado, é sempre um prazer vir aqui, bjs

    ResponderExcluir
  4. rsrsrs...agora vc complicou mais ainda. Tem razão, nós complicamos o que já é complicado. Boa noite meu querido. Bom sonhos pra ti. Beijos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só quero ser sua amiga

O texto abaixo fui elaborado embaixo do chuveiro, como eu não tinha papel à prova de água e nem caneta, vou tentar passar todo ele, pode ser que escape alguma coisa, mas vale mesmo assim.

(Só quero ser sua amiga)
Eu não me aproximei de você, para saber se é feio (a), bonito (a), gordo (a), magro (a). Eu me aproximei de você porque quero ser sua amiga.
Eu não me aproximei de você para saber de sua vida íntima, profissional, social. Eu me aproximei de você porque quero ser sua amiga.  Eu não me aproximei de você para saber se é casado (a), separado (a), enrolado (a), ficante, tico-tico-no-fubá, para saber se posso ter um caso com você, porque não quero isso e nem tão pouco fuçar na sua vida, eu quero mesmo ser sua amiga.
Eu não me aproximei de você para querer saber seus dotes e o que você pode proporcionar de bens materiais. Eu me aproximei porque quero ser sua amiga.  Eu não me aproximei de você para querer saber seus erros, mas com certeza quero saber seus acertos e vibrar muito com eles, …

Templo dos Guerreiros

As ruínas do Templo dos Guerreiros tem enormes cabeças de serpentes esculpidas em pedra. Esse palácio possuía mil colunas de sustentação que davam à volta em todo o prédio. Por volta do ano 1200, Chichen Itzá entrou em guerra com outras duas cidades da civilização maia-tolteca: Uxmal e Mayapan.
Os habitantes de Chichén Itzá fugiram para o sul, e a cidade quase foi destruída. Quando os navegadores espanhois desembarcaram no México, no século 15, encontraram a cidade abandonada. O mato e a selva cobriam os templos sagrados. No começo do século 19, as ruínas da cidade foram recuperadas e os símbolos da civilização maia começaram a ser decifrados. Chac Mool é uma estátua em granito, localizada na plataforma Vênus do templo dos guerreiros de Chichén Itzá. (a estátua em primeiro plano).
Em cima da estátua, ao centro, os Maias realizavam os sacrifícios para os seus Deuses.
Em geral, esses sacrifícios eram feitos com crianças, raras vezes com mulheres.

Psoríase

Psoríase: o que é?
A psoríase é uma condição inflamatória crônica cutânea que afeta aproximadamente 1-3% da população mundial. Surge como placas vermelhas cobertas por escamas prateadas que se soltam da pele. As placas psoriásicas surgem muitas vezes nos cotovelos, couro cabeludo e joelhos, mas podem igualmente afetar outras partes do corpo como a face, os pés e as membranas mucosas. A psoríase não é contagiosa, nem é causada por uma alergia. No entanto, a tendência para desenvolver a condição pode ser geneticamente transmitida. A psoríase causa comichão em 60% a 70% dos casos.
A Psoríase: quando apareceu?
A psoríase existe há séculos. Prova disso mesmo são os sinais típicos da condição encontrados em corpos mumificados do início da Era Cristã. Sabe-se que foi confundida pela lepra durante centenas de anos, o que originou o isolamento de muitas pessoas na Idade Média.
No início do século XIX,Robert Willan, um médico inglês, foi o primeiro a descrever clinicamente a psoríase.
Os investigadores …