Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2016

O Lago

Nenhum vento chuva ou folha que se move
Nenhum monstro no lago movendo-se
A água apenas brilha o meu reflexo
O lago calmo e tranquilo em seu escuro
Nenhum ruído, silêncio total
Então, a água em sua cena está quieta
Calma no seu ambiente e tom...
As memórias com você são lindas em minha mente
O Lago fala
O Lago escuta
O Lago sussurra
Sabe quando cantar, acalmar
O Lago respira e eu sonho...Lucia

Palavras Do Coração

Eu ando em silêncio...
O vento carrega meus pensamentos
Quando palavras escritas estão associadas à alma
Daquelas que dita enquanto a chuva cai
Isso confunde as minhas lágrimas
Aquece o meu coração e alma
Navego em páginas de frases de afeição
Gostaria de ser o vento, silencioso e leve
Sincero e intenso...
Forte e impetuoso
Claro e sereno
Eu ando a procura das palavras
Que eu só encontro
Ouvindo os sussurros do meu coração
Eu abro as portas da alegria
Esta minha casa humilde
Este é o único acesso que tenho
Para continuar esta jornada
De amizade e afeto sincero...Lucia

O fio da vida...

Lindo e colorido Às vezes esticado, solto ou embaralhado Em outras vezes suspensos entre a alegria e dor  Ainda assim cheio de maravilhas  Pois nós temos lenços pendurados  De esperança e entusiasmo cai e assim Entre um "nascer do sol” e um “pôr do sol” Deixe-se embalar pela lenta passagem da vida... Siga em frente, com sabedoria e equilíbrio...Lucia

Obra-Prima

Dos meus instintos o primeiro esboço
Amarguras pinceladas
Com um toque de medo
Clarões repentinos de alegria
Impressões emocionantes
De ontem e de hoje...
Aqui e ali traços sorrisos intensos
Grande quantidade de cores
Em uma atmosfera quase mágica
Isso tem animado minha tela
Uma verdadeira obra-prima
Pendurado na parede do meu coração...
Eu pintei uma imagem
Uma imagem muito especial
A minha alma...(Lucia)

A flor Do Esquecimento

Inestimável, inatingível
O azul é a sua cor
Beleza indiscritível
De realeza notável
Cor do céu
Pétalas do mar
Frescor da manhã
Rosa Azul do amor
Jamais poderia ser inventada
Por tamanha beleza
Por tamanha grandeza
Assim és tu Rosa Azul...Lucia

Ternura

Como você procurar por algo
Que você não sabe
E que nunca foi comprovado
Mas é algo que você
Tem saudade infinita...
O que eu gostaria para mim:
Um sonho pintado
Com as cores do arco-íris
Na parte azul dos meus pensamentos...Lucia

A Face De Um Anjo

A face de um anjo
É o pássaro que canta
A rosa que floresce
A luz e o calor do Sol
Um lindo sorriso
Olhar que brilha como estrelas
O ar com o perfume das rosas
Oceano calmo
Arco-íris no céu
Sussurro das cachoeiras
A face de um anjo
É a face do respeito
A paz em teu coração...Lucia

A Vida E Seus Mistérios

Tudo envolto em mistério e maravilha
Essa minha vida...
Com admiração genuína e infantil da natureza
Eu observo cada evento
Com a atenção sensível
Em silêncio
Ouvindo
Vozes, sons
Pequenas coisas
Em torno de mim
Fascinada e curiosa
Eu sinto...
A sugestão
A religiosidade
O mistério
Escondido neles
Em meus olhos aparecem
Sempre traduzível e compreensível
Caindo em música
Em suspiro...
Enchendo também
A minha imensa alma...Lucia

Palavras Soltas

Ontem dia 9/8/2016
Completou quatro meses
Esse seria o tempo que
Estaria andando...
Mas não foi bem assim
Sinto em meu coração
Que corre no jardim do céu
Livre e feliz
Longe de qualquer dor...
Existirá o tempo
Que voltarei a encontra-la
Poderei de novo abraça-la
E olhar seus lindos olhos verdes
Não tarda, está próximo
Sei que não posso
São saudades
Apenas saudades eternas...Lucia

Falso Amigo

Alguém deve ter lido ou escutado “O inimigo Mora Ao Lado” Eles estão aí, vestidos de amigos, mas é o próprio mal a te rondar...
Isso eu pude constatar infelizmente...
É difícil de entender e de saber quem é
E como pode se infiltrar...
Entra na sua casa, pois a porta está sempre aberta
Mas a sua intenção, é acabar com você
Levar tudo o que você possui
Mas tem uma coisa que esse inimigo não leva
Minha dignidade, meu caráter, minha honestidade
Deus está comigo, e desse mal me livra
Não serei eu a dar o retorno
Será a vida, pois aquilo que nós fazemos
Tem efeito bumerang...Lucia

Palavras E Olhares

Muda de palavras e olhares  Minha mente vagueia longe
Onde o pensamento não tem limite
E tudo pode parecer real...
Assim, com a necessidade de lembrar e chorar
Eu penso no meu passado e juventude perdida
O meu presente é feito de tempo breve
Meu futuro desconhecido e incerto em seus mil medos
Quanta doçura no olhar e ficar perdida em si!
Quantas emoções vagueiam livres
No mais profundo dos silêncios e solidão!
Eu balanço e lentamente acordo de uma viagem
Nas profundezas da minha alma
Do meu ser tão frágil, tão impotente
Em comparação com a grandeza da minha vida...Lucia

Pare Ao Amor

Pare!
Contempla a luz
Fale com ela de sua solidão
Você vai encontrar um rosto
Com os olhos cheios de amor
Terá uma mão
Que pretende te apoiar
Terá um coração
Querendo te abraçar
Acredite em sinceridade
Em verdade e na magia
Desses momentos
Não o deixe escapar
Vivê-lo
Veja as maravilhas realizadas em você...Lucia


Antes Que comece

Não é como sempre foi
É um poema para lembrar
Que tudo aquilo que reluz
Pode ser estilhaçado
Como o vidro no chão
E ainda assim se quiser
Poderia dar-lhe o vazio
Ficar em silêncio eterno
Ou apenas o tempo para
A poeira me enterrar
E ainda se perguntar
Por mais do silêncio
Levá-lo agora...
Antes que o poema comece
Aqui, no eco da minha voz
Na pausa entre meus dedos
No espaço entre o abraço
Aqui é o seu silêncio
Leve-o
Leve tudo
Mas não me corte...
Não queira me ver sangrar...

Lucia