Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2015

Posso Escrever, Ver e Ouvir

Imagem
Posso Escrever, Ver e Ouvir

Eu me torno mais e tornam-se vazio ...
Meus olhos estão fechados e ainda assim vejo tudo ...
Danço e danço ...
Sentindo as fragrâncias
Morro para renascer novamente em amor
Torno-me as flores, amor infinito, o próprio jardim...
Com cada letra, cada palavra, a cada palavra...
Eu posso não escrever e ainda escrever tudo ...
Eu posso não ouvir e ainda assim ouvir tudo...
Como uma cópia azul no meu coração...
Com fios de ouro...
Eu sei que cada palavra gravada no meu coração
É a Infinita respiração do amor
Chorei e chorei
Fiquei muda ...
Tornei-me vazia ...
Eu me tornei o amor... Lucia

Você Comigo

Imagem
Você Comigo
Quilômetros entre nós
E a distância nos separa
Mas nada pode mudar
O amor dentro do meu coração
Eu posso não estar aí com você
Mas você está sempre aqui comigo
Em pelo menos mil maneiras
Quer se trate de um pensamento
Ou um momento que compartilhamos
Leva apenas um segundo para ir daqui até aí
Eu posso sentir o seu sorriso
E eu posso sentir o seu calor
A gentileza do seu abraço
Eu posso ouvir o seu riso
A música para os meus ouvidos
Sua voz sussurra para mim
E enxuga minhas lágrimas
Eu imagino você aqui comigo
O único lugar que você está destinado
A sua casa é aqui no meu coração (Lucia)

Onde os pássaros não voam

Imagem
Onde os pássaros não voam

Meu coração voa para lugares
Onde os pássaros não cantam...
No entanto, ele voa com suas próprias...
Este meu pequeno coração espera
O pássaro não perder a sua visão
Seu voo, sua canção e vamos cantar
Se parar sua música, para o meu voo
E então eu caio de novo...
Meus pés pequenos minúsculos
Eu tenho que voltar a andar
Encontrar meus pés no final do dia
Não haverá nenhuma canção doce
Louco é o meu coração...
Onde quer que eu vá
Leva-me para o mundo em que
As aves não cantam e corações não voam...
E quando eu chegar lá saberá que eu
Tenho sobrevivido há tanto que eu tenho
Tanto que eu possa compartilhar
E haverá alguém para me ouvir...(Lucia)

Esta Noite

Imagem
Acho que devo dar um recomeço para as coisas que deixei adormecidas. Eu não tenho o poder para entender determinadas coisas, e assim eu me tranco, e sou eu apenas que choro.  E pra quê?... Pensei em parar, mas os dedos persistem em continuar.  Não queiram entender o que vai dentro do coração de uma poeta, pois por vezes nem ela sabe...  Quantas vezes eu cairei, será quantas eu me levantarei, e sozinha ...


Esta Noite

Eu amei a lua, o sol, estrelas
Flores crescendo silenciosamente
A noite, quando em meus dedos puderam estar...
Quando meu coração cantou entre a sua perfeita escuridão
E beleza das estrelas estava em minhas mãos 

Pétalas dançavam para o canto de minha alma
Eu ofereci cada perfume da noite
Flores com suas inimagináveis ​​asas
Onde habita a respiração de todas as estrelas que persistem esta noite... Lucia

Soneto da Saudade

Imagem
Soneto da saudade

Quando sentires a saudade retroar
Fecha os teus olhos e verás o meu sorriso.
E ternamente te direi a sussurrar:
O nosso amor a cada instante está mais vivo!
Quem sabe ainda vibrará em teus ouvidos
Uma voz macia a recitar muitos poemas...
E a te expressar que este amor em nós ungindo
Suportará toda distância sem problemas...
Quiçá, teus lábios sentirão um beijo leve
Como uma pluma a flutuar por sobre a neve,
Como uma gota de orvalho indo ao chão.
Lembrar-te-ás toda ternura que expressamos,
Sempre que juntos, a emoção que partilhamos...
Nem a distância apaga a chama da paixão
Guimarães Rosa

O Mar e Eu

Imagem
O Mar e Eu

Visão bela do mar
Quando eu contemplo o mar
Velhas lendas do amor
Os meus sonhos, voltam para mim
Como brilho da sabedoria
E o canto dos pássaros
E a resposta que me chegam dos ventos
Música mística ao meu coração
Como as ondas a beira-mar
Quando a areia como a prata brilha
Cante uma canção tão clara
Alma cheia de saudade
Ouvi essas melodias tristes
A minha alma está cheia de saudade
O segredo do mar e do coração ...(Lucia)

Sozinha com meus pensamentos

Imagem
Sozinha com meus pensamentos

Os olhos são como rios que correm a fluir
Imagens começam a brilhar
Por que meus pensamentos fazem assim?
Pensamentos; os bons e os maus
O que eu tenho agora, e o pouco que eu tinha
As pessoas ao meu redor...
Meus olhos vidrados e tristes
Abraços sem braços...
Pensamentos, o futuro e passado
Meus pensamentos, tão escuro e seco
Mas espera aqui comigo, iluminando o céu
O bater dos portões e os olhos, suave grito
Um coração que deseja ser livre para cair e voar
Sozinha com meus pensamentos, mais uma vez, mais uma vez
Com o meu coração e esperanças...
Do amanhã somente...
Um sentimento tão forte, como nunca antes...Lucia

Sobre as pedras

Imagem
Sobre as pedras

Admirando o horizonte a minha frente na beira do precipício
Dei um pequeno passo a frente, acreditando que poderia ver melhor
Escorreguei e rolei precipício abaixo, cai sobre as pedras
Machuquei-me, sangrei, não chorei, não gritei
Fiquei calada esperando ajuda de alguém
Ouvi passos, ouvi vozes, pensei estar salva
Mas me enganei, porque não me salvei
Os passos e as vozes apenas por ali passaram
Olharam, cogitaram, sussurraram entre sí
Lançaram-me mais pedras e me enterraram...Lucia

Um Anjo no Escuro

Imagem
Um Anjo no Escuro
Esculpido nas paredes do coração Seus versos no ar ao longo da noite  Escura e chuvosa Constrói as escadas em direção ao Sol Questões e dilemas dos homens Em marés da esperança Vive no soluço de sua alma Um anjo da poesia na minha rua Regenera o sentido fresco do infinito...Lucia